quinta-feira, 20 de março de 2008

PALAVRAS

Palavras que cuidam
Palavras que ferem
Palavras que animam
Palavras que destroem
Palavras que acalmam
Palavras que ofendem
Palavras sozinhas não dizem nada...
Só dizem tudo ao mesmo tempo...
Se dizem tudo ao mesmo tempo...
O significado esvai-se ao vento
Há aquelas mal acompanhadas
Verbos sem regência, frases desafinadas
Nomes contemplados com complementos errados
Palavras bem amadas formam frases bem casadas
Prosas são palavras ainda acanhadas, poesias são palavras já enamoradas

sexta-feira, 14 de março de 2008

Pensamentos centrados de Sarah Westphal Batista da Silva

"Para os erros há perdão; para os fracassos, chance; para os amores impossíveis, tempo. De nada adianta cercar um coração vazio ou economizar alma. O romance cujo fim é instantâneo ou indolor não é romance. Não deixe que a saudade sufoque, que a rotina acomode, que o medo impeça de tentar. Desconfie do destino e acredite em você. Gaste mais horas realizando que sonhando, fazendo que planejando, vivendo que esperando, porque embora quem quase morre esteja vivo, quem quase vive já morreu."
Sarah Westphal Batista da Silva

quinta-feira, 6 de março de 2008

MULHER

(post participante da blogagem coletiva proposta pela Meire http://www.meiroca.com )

És fascinante como a mágica e seu segredo.
Só o Grande Criador conhece teus mistérios.
Ele não os revela a nós homens para que permaneçamos fascinados buscando entender-te.
Passamos pela vida procurando teu colo, teu abraço, teu abrigo...és a razão de nosso viver.


Mulher, tu és, de Deus, a mais bela criação
Quanta força! Quanta delicadeza! Contradição...
De muitos homens és a salvação, e de outros, a perdição
Deus nos criou sem alvoroço...
Na paz celestial
O homem foi o esboço...
E a mulher é a arte final

Já leu o meu acróstico em homenagem às mulheres? Acesse e leia: http://acrosticomania.zip.net/